segunda-feira, setembro 14, 2009

Contigo

Beco dos Surradores, Mouraria / Foto TL, 2009
Tudo é mais fácil quando estou contigo:
os medos interiores desaparecem
e em seu lugar de súbito florescem
mil e uma formas de enfrentar o perigo
que os momentos sem ti depois me oferecem.

12 Comments:

Blogger ana said...

É tão estranho quando alguém que não conhecemos "traduz" em palavras a emoção actual do nosso sentir. Obrigada

12:47 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Nada tem a agradecer-me, Ana.

1:56 da tarde  
Blogger Tudo de mim. Ou quase. said...

O medo é cobarde. Chega quando todos saem, aninha-se no peito e bebe-nos o sangue qual sanguessuga.
O medo tem medo das gentes. E, por isso, espera horas tardias de solidão para nos entrar pelas janelas abertas da alma. O medo tem medo do medo. E foge, o cobarde, quando outros chegam.

8:45 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Vi no seu perfil que é uma jovem de 25 anos. Felicito-a por isso.
Também já tive essa idade, mas foi há muito tempo.

9:47 da tarde  
Blogger mdsol said...

Pois é... Estas palavras claras que dizem sempre muito.
:))

11:03 da tarde  
Blogger jrd said...

Ganhar coragem.
Abraço

11:17 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Um bj, cara Mdsol :))

Outro abraço, caro JRD.

9:45 da manhã  
Blogger Mar Arável said...

Incontornável

todos diferentes

na procura da felicidade

10:58 da tarde  
Blogger addiragram said...

Tão simples e tão difícil, às vezes.

Subimos as escadas com outro folgo.

Um abraço

8:27 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

Certo, caro Filipe.

Um beijinho, Margarida.

8:54 da manhã  
Blogger 35003500 said...

Faço minhas as palavras da Ana. Leu-me a alma. E que bom é esse sentimento que expressa. ;)

Beijinhos

eueasminhascircunstancias.wordpress.com

3:20 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Beijinhos também, cara Mónica.

4:41 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home