terça-feira, janeiro 27, 2009

À espera*



















Rio Tejo
Foto TL, 2008

Ainda um dia hei-de contar-te as espantosas
coisas de que me lembro quando fico à tua espera
horas e horas, cada vez mais vagarosas,
e tu não chegas, meu amor, e tu demoras
mais do que a minha paciência. Quem me dera
aquele tempo em que era sempre primavera
e assistia indiferente à passagem das horas.

Mas, quando chegas, só me ocorre esquecer tudo
e ter-te uma vez mais como quem tem o mundo.

*Poema incluído na antologia "Os Dias do Amor", edição Ministério dos Livros, organização de Inês Ramos e prefácio de Henrique Manuel Bento Fialho, com lançamento previsto para a próxima quinta-feira, dia 29, às 18,30h., na FNAC Colombo.

8 Comments:

Blogger once said...

Parabéns Poeta :)

e este? das mais belas declarações de amor porque se sente .. sentida.

2:50 da tarde  
Blogger mdsol said...

Que bonito" Mesmo mesmo!
O que gosto na sua escrita, entre outras coisas, é que sendo profunda e falando de "coisas" importantes, é leve e despretensiosa.
Parabéns e muito sucesso para o seu livro.
Se o apresentar aqui na INBICTA, pois diga-nos... rsrsr
:))

3:35 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Catarina:

Obrigado pela constância da sua presença e as palavras amigas.

Mdsol:

Agradeço-lhe os votos quanto ao meu novo livro, que será lançado em Lisboa no próximo mês e no qual este poema figura. No entanto, hoje refiro-me a uma antologia recém-publicada, que também o inclui.

5:47 da tarde  
Blogger Laura Lara said...

Maravilhoso!

7:34 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Um beijinho, cara Laura. Gostei muito das tulipas na Senda (já não aguentava as saudades...) e quero mais, sem demora.

9:59 da tarde  
Blogger Fatyly said...

Uma ternura e que o lançamento do livro tenha sido um sucesso porque merececes poeta.

Beijos

6:44 da tarde  
Blogger Paula Crespo said...

Gostei muito do poema.
A espera é sempre um tormento...

11:21 da tarde  
Blogger Cleopatra said...

Este seu poema prendeu-me.
Tanto que o coloquei lá na minha moon. Agora vou ter de comprar o livro e,...sem autógrafo.
;-))

12:49 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home