sexta-feira, julho 27, 2007

A direcção do vento















Acrílico sobre tela
Torquato da Luz

Não interessa a imagem
que define, além do muro,
a imprecisão da paisagem.
O que importa é a viagem
que nos desenha o futuro.

Vivemos sobre areias movediças
e não há rezas cediças
que nos segurem contra os perigos
dos fados inimigos.

Convém por isso estar atento
à direcção do vento.

8 Comments:

Blogger AGRIDOCE said...

Bonita tela, que o poema bem acompanha.

Bom fim de semana.

9:53 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Bom fim de semana também e um abraço, caro Agridoce.

9:39 da manhã  
Blogger Fatyly said...

O que importa é a viagem
que nos desenha o futuro.
.......
não tenho palavras para este grande momento de poesia.

Beijos

6:59 da tarde  
Blogger Rosa dos Ventos said...

Eu bem tento! ;-))

Belo poema e bela tela!
Abraço

9:43 da tarde  
Blogger JRL said...

Esta é uma das suas telas de que mais gosto...
Gostava eu de ser ave para saber que vento apanhar...
Um beijinho

12:16 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

Caras Fatyly, Rosa e Joana, a vossa generosidade não tem limites.
Bjs e abr.

8:51 da manhã  
Blogger marta said...

Também gosto muito desta tela.

Um bom alerta.


Beijinhos

3:52 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

Beijinhos também, cara Marta.

9:34 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home