segunda-feira, setembro 26, 2005

Desistência

Para lá da janela inoportuna,
no cinzento jardim da nossa desistência,
há plantas sem Primavera
em canteiros onde a seca
impede a floração.

Até parece que nos tolhe o medo
de avançar e partir os vidros
da inoportuna janela.

Ou já perdemos o sentido
da hora certa
para o que urge e é devido?

(2005)

3 Comments:

Blogger António Baeta said...

De tanto tentar acertar na hora, perdemos o sentido da urgência.

3:50 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Com certeza, meu caro...

8:35 da tarde  
Anonymous mariagomes said...

Como sempre,belo!

Enviei sim,um mail.:-))


bjs

mariagomes

11:31 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home