terça-feira, maio 22, 2007

Mundos















Foto TL
Existem mundos a que não pertenço
nem quero pertencer,
mas outros há que me dizem imenso,
pois neles me revejo e me repenso,
haja o que houver.

Entre os meus mundos, o maior,
que percorro de cor,
é o do teu olhar.
Feito de luz e transparência,
azul e mar,
desconhece a ausência.

13 Comments:

Blogger Rosa dos Ventos said...

Um mundo onde a presença do azul e mar é fundamental!

2:56 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Com certeza, Rosa.

4:42 da tarde  
Blogger Sofia Loureiro dos Santos said...

Como de costume, lindíssimo.

7:12 da tarde  
Blogger Fatyly said...

Vale a pena rever, rever, permanecer, repousar nos mundos que nos preenchem dia-a-dia.

ADOREIIIIIII!

Beijos

8:21 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Sempre grato, Sofia e Fatyly.
Beijos.

8:43 da tarde  
Blogger AGRIDOCE said...

Passei por cá, como faço sempre que me é possível, para ler e ver. Duas sensações fortes que aqui se bebem.
Abraço

9:35 da tarde  
Blogger GP said...

Bonito! Gostei.

10:42 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Caros Agridoce e GP, obrigado e abraços.

9:01 da manhã  
Blogger marta said...

A luz, sim, que bate na falésia tornando-se dourada, com a neblina ao fundo
este mar , também, esverdado , azul...
esta poesia, sempre!

12:24 da tarde  
Blogger Teresa Durães said...

um mundo que desconhece a ausência é um achado :)

gostei

3:49 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Bem hajam, Marta e Teresa.

5:09 da tarde  
Blogger Laura Lara said...

Tão lindo, Torquato!
Beijinhos

11:14 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

São os teus olhos, Laura...
Beijinhos também.

12:59 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home