quarta-feira, maio 13, 2009

Buganvília

Rua de O Século / Foto TL, 2009
Buganvília, indiscreta trepadeira,
que sabes tudo sobre o meu amor,
vai dizer-lhe que à hora do sol-pôr
hás-de levar-me até à sua beira.

Diz-lhe que não achei melhor maneira
de lá chegar e, seja como for,
a noite que virá, ó trepadeira,
é minha e tua e do meu amor.

9 Comments:

Blogger once said...

senti uma cantiga de amigo por aqui :)
Lindo, Poeta

Beijinho

9:23 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

Beijinho também, Catarina.

1:52 da tarde  
Blogger jrd said...

Que melhor guia do que uma trepadeira na cumplicidade da noite?!
Abraço

7:45 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Nada mais certo, JRD... :)
Outro abraço.

9:32 da manhã  
Blogger addiragram said...

E a buganvília é uma atrevida e indisciplinada, por isso numa sintonia perfeita com o amor!

Um beijinho.

7:27 da tarde  
Blogger Mar Arável said...

Muito bonito

Ofereço-te a minha buganvília

10:16 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Bom fim-de-semana e um beijinho também, Margarida!

Obrigado, caro Filipe!

9:31 da manhã  
Blogger Tinta Azul said...

Trepa trepa buganvília
e vai levar a mensagem.

:)

9:35 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Espero bem que sim, cara Tinta Azul...

:)

9:56 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home