quinta-feira, junho 19, 2008

Ave vadia
















Foto TL
Antes a ave que voa vadia
pássaro planando plácido
de asas estendidas
ou mocho contra o silêncio
que precede a madrugada.
Antes o peixe que veloz
devassa o fundo do mar sem fundo.
Antes a fera em busca de presa.
Nunca por nunca a viscosa medusa
vogando à tona deste rio
poluído e sonolento.

6 Comments:

Blogger António Baeta said...

Um abraço, meu amigo.

12:36 da tarde  
Blogger Torquato da Luz said...

Outro, caro Toy.

2:46 da tarde  
Blogger RAA said...

Antes a ave, antes o peixe, caro Torquato!...
Um abraço.

12:06 da manhã  
Blogger Fatyly said...

Um belo poema com uma foto a condizer.

Um abraço

11:33 da manhã  
Blogger minucha said...

Águas mornas, não evidentemente.

Boas férias

11:52 da manhã  
Blogger Torquato da Luz said...

12345

9:18 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home